Publicado por: blogdatatinha | maio 17, 2011

A lição do espelho!

Bom dia galerinha linda,                                        

Quem aqui conhece a estória de Jekyll e Hyde, o médico e o monstro, escrita pelo escocês Robert L. Stevenson em 1886, ela retrata a dupla personalidade do Dr. Henry Jekyll, um médico, cientista introspectivo que descobre uma fórmula capaz de alterar sua personalidade.

Sempre que ingeri tal fórmula ele se transforma no Sr. Edward Hyde, homem forte e extremamente agressivo, um assassino frio, se tiverem oportunidade leiam o livro ou assistam a alguma das várias versões cinematográficas feitas á respeito, é muito interessante.

Ao longo dos últimos dias tenho pensando que, guardadas as devidas proporções, todos temos um pouco de Jekyll e Hyde, mas que infelizmente em algumas pessoas isso parece vir à tona com muita intensidade. Eu não gosto de mau-humor e tenho dificuldade em conviver com pessoas  mau-humoradas, mimadas, que por qualquer motivo estão de cara feia, entendo perfeitamente (e me encaixo nesta condição), que não podemos estar o tempo todo rindo à toa, isso seria hipocrisia, mas sei que é possível com um pouco de boa vontade e maturidade não transformar o nosso dia ou o das pessoas a nossa volta num vulcão prestes a explodir.

Tenho observado muito isto, este stress diário a que nos expomos tem levado muita gente ao limite, estamos sempre correndo atrás de algo, sempre na busca, na ânsia de querer, ter, poder, etc., e isto está nos transformando em pessoas insensíveis. Estamos literalmente atropelando qualquer coisa ou pessoa que esteja entre nós e o nosso objetivo, seja ele algo grandioso ou banal, não importa, não paramos para pensar nas conseqüências, nos sentimos deuses, capazes de tudo, sem percebermos a nossa grande incapacidade de sermos gentis.

Vejo pessoas ao longo do dia que flutuam entre um estado de calma e uma tormenta mental em questão de segundos. Pessoas que não sabem conversar, sentar para resolver uma situação incômoda, quantas vezes uma simples conversa poderia evitar uma briga, quantas coisas mal resolvidas tornam-se motivos de separações de casais, de brigas em família de rompimentos entre amigos?

Porque parece tão difícil simplesmente parar por um minuto e pensar “vale a pena todo este stress, v ale a pena ficar remoendo esta raiva, que benefício isto me traz”, corremos tanto em busca de coisas materiais que estamos nos esquecendo do básico, para sermos felizes de verdade, com aquela  sensação boa que aquece  o coração e deixa um sorriso gostoso no nosso rosto, só precisamos viver em paz, primeiro com nós mesmos e depois com o nosso próximo. Estas são as verdadeiras recompensas, é isto que levaremos para toda  a eternidade

O resto ficara por aqui, ou melhor, pesará em nossos espíritos, atrasará nossa  evolução divina,então me pergunto, vale a pena ficar de mau-humor, sentir raiva, não conversar?

Tenho certeza que não, o Criador não nos deu a oportunidade da reencarnação para sermos infelizes, essa escolha é nossa, nosso livre-arbítrio, mas como tudo Nele é beleza e perfeição, ele nos deixa livre para mudar este caminho. Vamos nos lembrar da lição do espelho, veja no outro você e pense “eu gostaria de ser tratado desta forma, gostaria que falasse assim comigo? Seja honesto com a resposta e verá como o seu mundo será melhor.


Responses

  1. Uma lição de vida e de aprendizado…. gostei!!

    Bjs do Zé

  2. Querida, hoje, meu horóscopo (sim, eu leio) era exatamente sobre estar atento para não deixar sua sombra vir… Coincidência ou não, redobrarei atenção… Beijo enorme!!!

    • É amiga, no kardecismo chamamos isto de “Orar e Vigiar” sempre para não cairmos em tentação,rsrsr

  3. Em primeiro lugar gostaria de agradecer pela volta, seus textos sempre trazem bons conselhos. Como sempre um tema muito oportuno, e muito claro que temos sempre duas opções de escolha, fazer o bem ou fazer o mal, e quando falo de bem e mal nao estou falando de coisas terríveis que nao deveriam ser nem ao menos ser mencionadas, me refiro as pequenas ações que praticamos, mas quando somadas se transformam em coisas terríveis. Parafraseando seu texto eu digo: So de aos outros aquilo que voce gostaria de receber, o resto, jogue fora… Parabens.

    • Amigo, você é muito gentil, com certeza a sua porção Sr. Hyde vive bem escondidinha,rtsrsr. Obrigada pelo carinho.

  4. As vezes nem precisamos de minutos para parar e pensar… algumas ações irão nos seguir para o resto de nossas vidas… mas mesmo tendo dentro de nós um ‘médico e um monstro’ precisamo equilibrar o melhor dos dois mundos, pois as vezes uma sombra se faz necessário… acredito que equilíbrio é o segredo de uma vida feliz. Parabéns pelo texto!

    • Concordo plenamente, o equilibrio é fundamental para tudo na vida.Obrigada pelo comentário.

  5. Que bom tê-la de volta querida!! Saudades, principalmente das músicas das sextas no Twitter (que eu abandonei também rsrsrs). Quanto ao texto, adorei a comparação deste clássico da literatura com as atitudes das pessoas nos dias de hoje. Tudo a ver mesmo. Espero encontrá-la aqui mais vezes, some não, hein?! Beijos

    • Oi amigo, tbem estou feliz por ter voltado e por estar escrevendo novamente.Obrigada pelo comentário e vê se não some tbem,rsrsrsr.bjs.

  6. Você é visita obrigatória para quem quer ser um pouco melhor a cada dia! Agradeço ao Divino por sua existência em minha vida! Saravá!

    • Amadíssima, a recíproca nunca foi tão verdadeira.Obrigada.beijos de luz.


Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Categorias

%d blogueiros gostam disto: